Sign In

Apicultura em Casa Nova

Sustentabilidade Publicado em 27/08/2020

O projeto Eólicas de Casa Nova, iniciativa da parceria formada pela Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf) e Embrapa Semiárido, e que conta com o apoio da Prefeitura de Casa Nova (BA) e da Universidade do Vale do São Francisco (Univasf), tem mudado a vida de produtores agrícolas que residem nas proximidades do parque eólico de Casa Nova. A “novidade” vem da prática da apicultura como oportunidade de negócio e sustento para as famílias da região.

 

"Antes do projeto, era comum moradores da região destruirem colmeias devido ao desconhecimento das técnicas de captura e criação. Para transformar essa realidade, foi feito trabalho de sensibilização, destacando o potencial da área (abundante em água e flora) para a produção de mel através da criação da espécie Apis mellifera", explicou Thiago Aragão, gerente do Departamento de Meio Ambiente para Exploração (DEPO). Com os treinamentos, nove apicultores do projeto conseguiram 2.936 litros de mel em sua primeira extração, realizada em 2020, enquanto os demais (oito) ainda vão realizar a colheita.

 

Com o sucesso da atividade, alguns já estão investindo em mais caixas a partir do povoamento daquelas entregues pelo projeto. E o empenho dos apicultores é evidente, visto que a prática não os impediu de continuarem com as demais atividades agropecuárias que realizavam.

 
A ação rendeu bons frutos, e foi expressiva a mudança dos participantes, que além de enxergarem uma possibilidade em transformar a prática em fonte de renda, passaram a internalizar também a relevância da polinização realizada pelas abelhas para o meio ambiente.